Paulo Navarro | terça-feira, 17 de julho de 2018

A mamãe coruja Lili Andrade e sua pequena aniversariante Lara

Foto: Edy Fernandes

 

Saída à francesa

Não é à toa que a sabedoria popular ensina: “Tudo que é bom dura pouco”, “o que é raro é caro”, “amor sincero custa caro”. Não à toa cantava Vinicius de Moraes: “A gente mal nasce começa a morrer”. Por isso a Copa do Mundo é tão boa e cativante. Porque é rara, se acontecesse todo ano, a cada dois anos, não teria a mesma graça, a mesma dificuldade, os mesmos obstáculos, as mesmas superações.

Saída mortal

Por isso, como uma Copa do Mundo, a vida é tão boa, louca e breve. Por isso a vida é inestimável, sedutora, valiosa. Porque a vida não acontece de quatro em quatro anos, a vida acontece todos os dias, todos os segundos. Mas o tempo não para, é curto e não para de passar.

Saída fatal

Só os vampiros sabem como é chato ser imortal num mundo em que tudo passa, acaba. Viver eternamente seria um castigo, mas ninguém quer envelhecer, nem morrer. “Vida louca, vida breve, já que eu não posso te levar, quero que você me leve”. Me leve não de leve, mas a mil.

Saída triunfal

E voltando a Vinicius de Moraes, o poeta aconselhou: “Cuidado, companheiro! A vida é pra valer e não se engane não, tem uma só. Duas mesmo que é bom ninguém vai me dizer que tem, sem provar muito bem provado, com certidão passada em cartório do céu e assinado embaixo: Deus. E com firma reconhecida! A vida não é brincadeira, amigo. A vida é arte do encontro, embora haja tanto desencontro pela vida”. E Gilberto Gil completou: “O melhor lugar do mundo é aqui. E agora”. Férias enquanto podemos!

Saída e entrada

Sim, as férias estão aí! Sim, férias que são boas como a vida e a Copa do Mundo porque passam rápido, por isso devem ser bem vividas, aproveitadas. Não tem pão, come brioche! Não tem verão na Croácia ou em Paris, passe as férias no Brasil, em seu estado, sua cidade, sua casa. O importante é relaxar, desligar. Para ligar e continuar o show da vida.

Curtas & finas

* Começa hoje e vai até o dia 28 de julho, no Parque da Gameleira, a 37ª Exposição Nacional do Cavalo Mangalarga Marchador.

Considerado o maior da América Latina, o evento é Iniciativa da Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Mangalarga Marchador (ABCCMM).

A expectativa da organização é que este ano mais de 220 mil visitantes passem pelas atrações da exposição para apreciar 1.600 animais que irão participar da mostra.

No capítulo gastronomia do evento, a 68 La Pizzeria, de Lilian Mesquita, repete a dobradinha de sucesso do ano passado e monta um espaço para degustar as já famosas pizzas, entre outras delícias. E para os fãs de carne, o Porcão também estará presente.

* No próximo sábado, dia 21 de julho, acontece o tradicional Arraiá da Esperança, na vivenda de Carlos Alberto Teixeira de Oliveira, em Lagoa Santa.

* A 6ª edição do Festival de Cervejas Artesanais de Macacos – Junglebier acontece no dia 28 de julho, com muita cerveja, gastronomia e música.

O evento será no Bar do Marcinho e terá a animação das bandas Copo Lagoinha, Lady Hop and The Barleys e da cantora Luana Fogaça.