Paulo Navarro | terça, 04 de maio de 2021

Ernando Pereira, o homem que vê longe e faz muita gente enxergar de perto, via óticas Conforto Visual, com a mulher Márcia. Foto:  Arquivo Pessoal

Heróis da competência

A Rede Gourmet, mesmo sem saber, sem existir como rede, começou quando os dois irmãos, Agilberto e Pedro Martins da Costa abriram, em maio de 1991, a Baguette Sanduicheria, na Savassi. Hoje, sem “milagre dos peixes” e com outros nomes, as marcas são reconhecidas e premiadas com nove casas, sendo uma fora de Minas. Coisas de uma coisa chamada trabalho bem feito.

Heróis da persistência

Um ano depois, Pedro e Agilberto foram convidados para servir seus sanduíches aos hóspedes do hotel Champagnat. Pronto! Em 1994, nasce o restaurante Santa Fé. Uma curiosidade sobre o bom gosto de todos os restaurantes na decoração. Neste primeiro Santa Fé, aconteceu uma exposição de 14 obras originais de Picasso, com “aquele”  jantar, que rendeu muitos elogios.

Heróis da resistência

Como o Santa Fé dispensa mais ótimos comentários, pulemos para o capítulo pizza. Em 2004, foi inaugurada a Olegário Pizzaria. Com sofisticação, foi eleita 16 vezes a melhor pizza de BH. Hoje, só da Olegário, são cinco unidades. Três em BH, uma em Nova Lima e outra na Praia do Canto, Vitória, Espírito Santo. Em breve, no Alphaville. Próximo capítulo, Udon.

Heróis da resiliência

O Udon foi eleito 11 vezes o melhor japonês de BH. Inaugurado em 2008, em Lourdes, brilha também no Belvedere. Assim, resumimos os 30 anos de trabalho e qualidade em maio de 2009, com a junção das marcas Olegário, Santa Fé e Udon. Unidos, fizeram a força da Rede Gourmet. E assim, mesmo com pandemia, a rede continua em direção ao futuro, construindo marcas fortes, com experiência e excelência.

Sol nascente

Thiago Maia, diretor da Carbel Japão, otimista na retomada das vendas de carros zero km. A concessionária, com duas lojas em BH, faz parte do sólido grupo Carbel, com mais de 50 anos no mercado. Embora jovem, a Carbel Japão é referência da montadora japonesa Nissan no Brasil e possui o maior estoque e venda de peças de Minas. 2021? Espera-se faturamento de R$300 milhões, o mesmo de antes da pandemia. Bravo!

O "Dr. Otimismo" e diretor da Carbel Japão, Thiago Maia. Foto: Edy Fernandes

Curtas & Finas

*Continuando o tema Thiago Maia. Os novos Versa e Kicks, aliados à estratégia de vendas “online”, alavancaram as vendas.

“Além de bons carros, o diferencial é a capacitação de nosso time e as vendas pelo Carbel Home”, afirma Maia.

Com o Carbel Home o cliente pode adquirir e receber um carro sem sair de casa.

*A Fundação Clóvis Salgado anunciou o 4º Festival Internacional de Fotografia de Belo Horizonte (FIF-BH) | Imagens Resolutivas.

Conexão com o público, de forma presencial e segura, por meio da ocupação urbana.

Desde 29 de abril, 25 imagens de 12 fotógrafos selecionados pelo FIF-BH estão na fachada do Palácio das Artes.

E também no “outdoor” na junção da fachada com o Parque Municipal.

*No dia 28 de abril foi inaugurada mais uma unidade do Café Chérie, junto à loja da Dra. Chérie, no Santo Agostinho.

Um pouco diferente da unidade de São Paulo, o café mora num container rosa, charmoso e aconchegante.

*A OAB-MG criou Comitê para o Enfrentamento e Combate à Fome na tentativa de amenizar os impactos da pandemia em famílias de baixa renda.

A vice-presidente da OAB-MG, Dra. Helena Delamônica e o presidente da Comissão de Liberdade Religiosa, Padre Amauri Paixão estão à frente do projeto.

As doações podem ser feitas pessoalmente e por depósito bancário.