Paulo Navarro | segunda, 13 de dezembro de 2021

De bem com a vida, na tranquilidade elegante de Tiradentes, Vanessa e seu atleticano Nathan Lerman, brindando 41 anos de deliciosa união. Foto: Arquivo Pessoal

Parabéns Atlético

Viva o Clube Atlético Mineiro, Galo, para os milhões de íntimos, Campeão Brasileiro, depois de 50 anos sofrendo infinitas injustiças. Na mesma semana e reta final, com dois jogos mágicos; duas viradas espetaculares, maravilhosas, históricas e inacreditáveis; uma em Salvador, contra o Bahia e outra, já com o título, em Belo Horizonte, contra o Bragantino; o Galo, com todos os méritos, é Bicampeão.

Parabéns Galo

E o último jogo do Galo? O Galo finalmente, com time reserva, fora de casa, perdeu contra o “gigante rebaixado”, Grêmio, em Porto Alegre, 4x3. Podia ter saído vencendo mais uma, a última, mas continua mais campeão que nunca. Que venham agora a Copa do Brasil e, claro, um 2022 repleto de novas vitórias e títulos. O Atlético merece tudo.

A torcedora cativa e mascote do “Bahêa” (Bahia), a famosa Mamusca, com a não menos famosa, mineira e atleticana, Giovanna Penido, no estádio Fonte Nova, em Salvador, no jogo do Bahia contra o Campeão Brasileiro 2021, Atlético Mineiro. Foto: Arquivo Pessoal

Parabéns Minas

O Galo merece, inclusive, que seu maior rival, o Cruzeiro, volte para a Série A, em 2023, depois de três anos na Segunda Divisão. Todos perdemos com o Cruzeiro fora da “elite” do futebol brasileiro, a começar por “Mina$”. 2022 promete mil emoções na Série A e B, na Copa do Mundo e, principalmente, nas eleições. Que o Brasil vença tudo ou o que puder!

O não menos feliz, orgulhoso e perfeito torcedor do Galo, Dr. Ronaldo Magalhães, domingo, no Mineirão, quando o Galo, agora Bicampeão, recebeu a taça de Campeão Brasileiro de 2021, vencendo o Bragantino. Foto: Arquivo Pessoal 

Vale repetir

No BH Shopping, a exposição de fotos do Calendário Solidário 2022, projeto da relações públicas Ludmila Araújo, que, desde 2018, convoca personalidades e tradicionais famílias mineiras para a bela ação social, conectando quem precisa de ajuda a quem tem interesse em estender as mãos. Desta vez, os participantes foram clicados pela fotógrafa Leca Novo, que emprestou seu olhar delicado, moderno e atencioso à iniciativa.

Quase 40

A Rede Minas, emissora pública que integra a Empresa Mineira de Comunicação - EMC e é vinculada à Secretaria de Estado de Cultura e Turismo - Secult, celebra seus 37 anos com nova programação, mais dinâmica, diversa e próxima das raízes do estado. Para comemorar, novos programas e novas temporadas que dialogam com as cores, sabores, conhecimento, aromas e histórias da cultura popular.

Quase tudo

Programas como a estreia de “Sabor & Afeto”, as novas temporadas de “Estações”, “Minas da Gente”, “Mulhere-se” e “Palavra Cruzada”, no horário nobre, às 20h, um a cada dia da semana. E mais, os diários Jornal Minas 1ª Edição, 2ª Edição; os programas “Meio de Campo” e “Opinião Minas” tendo como cenário uma redação reestruturada, com nova iluminação e maior interatividade.

Mais um ponto

Pelo 6o ano consecutivo, a MRV está na carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE B3) e se mantém como a única empresa do segmento no ranking. O ISE é um dos principais indicadores de análise de performance das empresas que estão listadas na B3 e das suas práticas em ESG (Ambiental, Social e Governança Corporativa). Para compor a carteira, é necessário responder anualmente à série de questões que medem o nível de comprometimento com a ESG.

Curtas & Finas

*Ainda sobre a MRV no ISE B3. Esse ano, o ISE passou por uma mudança para alinhamento às bolsas externas, como o Dow Jones, exigindo ainda mais das organizações.

Estar na lista, com outras grandes empresas, demonstra que a MRV segue se destacando com suas práticas ambientais, sociais e de gestão.

E, claro, honrando o compromisso firmado com o Pacto Global da ONU e a Agenda 2030, visando “construir sonhos que transformam o mundo”.

*Encerrando o ano do Praça Sete Instrumental, do Cine Theatro Brasil Vallourec, o grupo de blues, com oito mulheres, o “Ablusadas”, se apresenta dia 15, às 20h, no canal do centro cultural no YouTube.

*Até dia 22, o projeto Fachada Digital; performances audiovisuais em que a fachada do Memorial Vale, na Praça da Liberdade, tem luzes, trilha sonora e DJs.

DJs que se apresentarão ao vivo na escadaria de entrada - das 19h às 20h30 durante a semana e às 11h no domingo.

As apresentações fazem parte do projeto Contemporâneo do Memorial Vale e também do Luzes da Liberdade e Natal Liberdade Cemig.

*O Coco Bambu, mais uma vez, ganhou o Prêmio de Melhor Restaurante de Frutos do Mar de BH, premiação da Revista Encontro Gastrô.

Isso só consolida o franco processo de expansão da marca em BH.

O Coco Bambu tem três unidades abertas (Anchieta, BH Shopping, Del Rey) e mais duas em obras, Minas Shopping e Itaú Power!