Paulo Navarro | sábado, 30 de outubro de 2021

Fernando Reis, CEO da Restaurant Week. Foto: Edy Fernandes

O visionário da gastronomia

Fernando Reis, o CEO da Restaurant Week, trouxe, há 14 anos, o maior festival da gastronomia internacional para o Brasil. Incluindo 16 cidades, em BH, o evento começou dia 21 de outubro e segue até 21 deste mês, com 30 restaurantes. Clientes conferem menus e pedem diretamente dos celulares, via leitor QR Code. Mais adaptado ao novo normal, só direto na fonte:  www.restaurantweek.com.br.

Fernando, como você explica a Restaurant Week?

Com nosso slogan: Restaurantes que você sempre sonhou. Preços que nunca imaginou.

Como visionário da gastronomia, de forma geral, fale-nos sobre a “vinda” deste show de prazeres para o Brasil. 

Há 14 anos, conseguimos trazer a Restaurant Week para cá e hoje somos o maior evento nacional do calendário gastronômico. Sempre fui um admirador da gastronomia. E vi no evento uma oportunidade de criar uma forma de acesso à boa gastronomia, movimentando o mercado brasileiro.

Neste momento de retomada da economia, como vê a importância do retorno presencial do festival?

Com muita alegria e confiança! Em 2020 fomos surpreendidos com a pandemia e um dos segmentos mais atingidos foi o nosso. Cozinheiros, garçons, fornecedores, etc., ficaram sem trabalho. Por isso entendemos que a retomada do festival de forma presencial é imprescindível.

Acredita que este selecionado público está mais confiante e seguro, para sair de casa?

Sim. Hoje há o desejo e a confiança de grande parte da população de sair de casa. Com a vacina, há um movimento crescente de pessoas que querem, de forma segura, retomar a vida e compartilhar momentos ao redor de uma mesa.

Como vocês observam o comportamento do mineiro diante do festival?

Vocês são incríveis! BH é uma das mais importantes cidades. Os mineiros participam de uma forma diferenciada em relação às demais praças. O volume de vendas de menus é sempre muito acima do que esperamos, vocês não abrem mão de experiências diferenciadas e de uma excelente gastronomia.

Por que o tema “Sabores da Infância” para esta edição?

Quando nos reunimos para a definição do tema da 20ª edição, uma de nossas analistas trouxe, sabiamente, a sugestão, baseada na sensação que os sabores da nossa infância são capazes de nos proporcionar... e foi perfeito! Cada um dos 30 restaurantes foi convidado a criar um menu repleto de lembranças dos sabores que marcaram a infância.

De onde veio a ideia de beneficiar uma instituição sem fins lucrativos a cada edição?

Uma de nossas premissas, além de oferecer a democratização da boa gastronomia, é também ajudar as pessoas e ONGs. Nesta edição, nossa parceira é a Associação Mineira de Reabilitação - AMR, que trabalha para transformar a vida de mais de 500 crianças e adolescentes com deficiências neuromotoras em situação de vulnerabilidade social. Convidamos os clientes a doarem R$1 por menu. Todo dinheiro será destinado à instituição no final do festival.