Paulo Navarro | quinta, 28 de julho de 2022

Pintando o oito

Na onda do Belvedere, Tânia Bulhões já tem endereço para sua futura loja. A empresária também tem seu nome associado aos perfumes franceses e à porcelana Limoges desenhada por ela e brilha Brasil afora e adentro. No livro autoral, com seu nome, Tânia desvenda o mito que perambula pela vida, experimentando  aromas, sabores, museus e livros. Tudo, com jazz, bossa e hits que a inspiram a pintar.

Pintando o zero

Oposto ao Belvedere, o bairro de Lourdes não agrada somente os ricos moradores. Mas também arrombadores de veículos dos “habitués” de bons restaurantes. Sem estacionamento nas ruas, vidros são quebrados porque também são vitrines de pertences. Raro no bairro, segundo empresários, é o policiamento preventivo. Por que será? Falta o que para um basta aos estranhos no ninho?

Volta da ação

Após dois anos, O Proação retorna com o Proação Fashion Day presencial, com 14 grifes, mirando o bem. Dia de moda e atrações culturais, o desfile acontece ao som de Paulo Ricardo, seguido de coquetel com show de PJ & Friends. A 15ª edição acontece dia 30 de agosto, no Minascentro.

Volta com tudo

Com apoio de empresas parceiras, a ação direciona, anualmente, toda a renda arrecadada, com a venda dos ingressos, para casas de acolhimento e projetos de educação complementar de centenas de crianças, nos quais a instituição atua pela inclusão social, via promoção de cultura, arte e lazer.

Volta total

O Proação Fashion Day nasceu em 2007. Parceria de O Proação com a extinta Benedita Comunicação, empresa do jornalista e empresário Thiago Romano, hoje à frente da Romano Comunicação. Logo ganhou visibilidade e se tornou um dos eventos favoritos da moda mineira, com mega estrutura, reunindo grandes marcas, personalidades e artistas.

Tudo é Jazz

Vamos com calma porque o Festival Internacional de Jazz de Ouro Preto - Tudo é Jazz, completa 20 anos e apresenta rica programação oferecida pela Gerdau. O festival acontece de 31 de julho a 7 de agosto, com apresentações da estrela Madeleine Pieroux, da Orquestra Jazz Big Band, de Ana Cañas, e de tributos a Frank Sinatra e Ella Fitzgerald e mais.

Tudo é Frank

O evento homenageará sua idealizadora, Maria Alice Martins (1951 – 2020) com um tributo a Frank Sinatra. Lembra o diretor do festival, Rud Carvalho, que o Tudo é Jazz está entre os 10 melhores do mundo, segundo a revista norte-americana Down Beat. “O urbano, o clássico e o contemporâneo, onde o jazz é o fio condutor”, resume o pianista, compositor e curador do Tudo é Jazz, Tulio Mourão.

Tudo é arte

O tributo Sinatra é dia 5 de agosto, às 22 horas, na Praça Tiradentes. Suas belas canções, com Wilson Sideral e Carla Sceno, arranjos da Orquestra Jazz Big Band (SP) e regência de Mario Tirolli, em atmosfera de “Big Bands”. Nas atrações internacionais Madeleine Pieroux (EUA), dia 5 de agosto, às 23h30; Hugo Fattoruso e Quinteto Barrio Sur (Uruguai), dia seguinte, às 21h30, Praça Tiradentes.

Em forte abraço, Alberto Ramos Filho e Emir Cadar. Foto: Edy Fernandes

Em forte laço, o casal 20 e Tal, Nina e Fernando Pacheco. Foto: Edy Fernandes

Curtas & Finas

*Dos criadores do festival “Luzes da Liberdade” e com o patrocínio da Cemig, por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura.

Eis o projeto “Rota da Liberdade”, em Belo Horizonte e Sabará, proporcionando novas experiências sensoriais através da luz.

Em BH, foi no entorno da Serraria Souza Pinto. Nos dias 6 e 7 de agosto, o projeto vai iluminar a praça Melo Viana, em Sabará.

A fachada da Igreja de Nossa Senhora do Rosário receberá projeção sobre a história da cidade, com trilha sonora de Kiko Klaus.

*A Bahia receberá, entre 4 e 7 de agosto, o maior evento médico-científico sobre terapia hormonal do Brasil, o ENATIH.

O fórum acontecerá no Tivoli Ecoresort Praia do Forte, Mata de São João, reunindo mais de 300 médicos e especialistas de todo o país.

*A Unipar - líder na produção de cloro e soda na América do Sul, grande produtora de PVC - definiu o desenvolvimento humano e o saneamento como pilares. Até que enfim!

Como parte dessa ação, a companhia patrocina mais uma mostra itinerante da 34ª edição da Bienal de São Paulo, “Faz escuro, mas eu canto”.

Mostra até o dia 25 de setembro no Palácio das Artes.