Paulo Navarro | quarta-feira, 30 de outubro de 2019

Na reinauguração do Vila Chalezinho, casa especializada em fondues que marcou gerações, Rosa Oliveira e Antonio Augusto Marcellini, fundador do Grupo Chalezinho

Foto: Edy Fernandes


Marcos Carvalho, Ludmila Ximenes, Mariana e Matheus Safar, na agradável noite regada a fondues, bons vinhos e ótimas companhias

Foto: Edy Fernandes


Cidade exemplar 

Mais um ponto para Tiradentes, a única cidade de Minas que tem turismo de verdade. Entre 1º de novembro e 25 de dezembro, sua preservada arquitetura histórica ficará ainda mais valorizada com projeções de luzes e imagens. É o Natal Iluminado, realçando as fachadas do Centro Histórico e lindas igrejas. E mais: concertos, apresentações de teatro, bandas regionais e um coral. Sorte e parabéns!


Dor e delícia 

Dor, vergonha e pranto brasileiros, “Favelas”, exposição individual de Mônica Mendes, de 7 de novembro a 6 de dezembro, Galeria Gilda Queiroz, São Pedro. Através de uma série de 24 pinturas a óleo, a mostra retrata o Morro do Papagaio em BH. A boa e velha estética da miséria.


Navegar e viver 

Ótimo texto sobre o navegador Amyr Klink, no site “Viagens”, de Jorge de Souza. Amyr, mundialmente famoso por ter atravessado o Atlântico, há 35 anos, sozinho, num barquinho de Bossa Nova, incorporou a experiência de Robinson Crusoé e, hoje, quer saber de mais nada material.

Desapegar e viver

Nada de material inútil, claro – “Casa, carro, barco, nenhum outro bem que gere despesa e exija tempo e energia para ser mantido”. Amyr, sábio, quer desapegar de coisas e viver a vida: “Hoje não faz sentido ter coisas que podem ser compartilhadas, como automóvel e barco. O que você precisa é o benefício que eles oferecem, ou seja, mobilidade (...) Os aplicativos de veículos são a melhor prova disso (...) As pessoas mais sensatas não querem mais um barco. Sabem que terão pouco tempo para usá-lo”.


Curtas & Finas

* Dia 9, às 20h30, no JN Resort, Sete Lagoas, o 7º Degustar, com Juliana Nicoli, Master Chef 2019.

Ladeando Nicoli, os chefs William Santos e Marlon de Menezes, em uma noite marcante com três entradas, três pratos principais e três sobremesas.

* In Bazar. Produtos importados com preço de crise tipo exportação. E também brechó! Hoje, às 16h, no restaurante Maria das Tranças, Savassi. Esse tipo de bazar é o melhor recado do Natal.

* Convite chique, culto e prazeroso do Consulado da Itália em Belo Horizonte.

O espetáculo “Eureka”, da companhia italiana Kataklò Athletic Dance Theatre, no Grande Teatro do Sesc Palladium, hoje, às 20h30.

O espetáculo Eureka, inédito no Brasil, é interpretado por atletas-bailarinos. Giulia Staccioli é diretora artística, coreógrafa e fundadora de Kataklò, além de atleta olímpica de ginástica rítmica.

Ah! Eureka, em grego, é “Encontrei”.

* Hoje, às 19h, no Belvedere, comemoração da expansão do Meat&CO, com degustação da parceria/harmonia: carnes da casa e Krug Bier.