Paulo Navarro | quarta, 21 de julho de 2021

Palácio assinado

A famosa casa de Ruy Ohtake, no luxuoso Cidade Jardim, São Paulo, voltou a ser anunciada, desta feita por R$70 milhões. Encontro de grandes nomes da arquitetura e arte nacionais, único do Brasil, reunindo projeto de Ruy Ohtake, paisagismo de Burle Marx e esculturas de Oscar Niemeyer.

Palácio único

No ponto mais alto do bairro, em mais de 8.000 m², são cinco andares, com piscinas coberta e descoberta, “fitness”, quadras de tênis, squash, adega para cinco mil garrafas e heliponto; um dos poucos imóveis residenciais no Brasil com área para helicópteros.

Palácio no paraíso

Otimismo do mercado imobiliário. Em pesquisa da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - Fipe, a previsão de crescimento do setor para 2021 é de 30%. Só no primeiro trimestre, os financiamentos cresceram 113% se comparado ao mesmo período de 2020.

O proprietário do Villa Celimontana, chef Marco Giordano Orsini e o fundador da Krug Bier, Herwing Gangl, brindando vitoriosa e saborosa parceria. Foto: Arquivo Pessoal

Áustria & Itália

A Krug Bier assina o rótulo exclusivo do Villa Celimontana Ristorante. Uma cerveja puro malte, com receita tradicional e ingredientes importados. Ela comemora a inauguração do restaurante no Lourdes e brinda a parceria entre as marcas. “Uma honra produzirmos a Villa Celimontana Lager. Unimos a tradição da cerveja austríaca à sofisticação e da culinária mediterrânea do chef Marcos Orsini”, garantiu Herwig Gangl.

Perversão social

Deu na “Gazeta do Povo” e assustou. Tema extenso e complexo que tentaremos introduzir: “É a primeira vez que um estudo prova que as Big Techs promovem incentivos perversos para criar uma sociedade cada vez mais polarizada. A pesquisa foi conduzida por três mestres mundiais em psicologia neural, Jay Van Bavel, Steve Rathje e Sander Van Der Linden, em projeto das universidades de Cambridge e Nova York”.

Perversão satânica

“Percebemos que o uso das redes sociais e a polarização insuportável coincidem cronologicamente, testemunhamos mudança de comportamento de pessoas próximas, mas não compreendemos exatamente como isso acontece. A explicação trazida agora pelos neurocientistas pode nos ajudar a encontrar um caminho para o uso mais saudável da tecnologia”.

Perversão satanista

“Quatro bilhões de pessoas se informam pelas redes sociais. Há uma fusão entre a informação e a socialização. Mesmo quando consumimos notícias produzidas por veículos de comunicação, na maioria das vezes, elas chegam até nós pelas redes sociais, mediadas pelos algoritmos das Big Techs”.

Perversão ideológica

“Se você é de direita, talvez tenha certeza de que as Big Techs privilegiam o discurso esquerdista. Se você for de esquerda, talvez tenha certeza de que as Big Techs dão espaço demais à extrema-direita. Ambos estão certos. O conteúdo que você mais vai ver nas redes é o que fala contra o seu grupo. Embates entre grupos viralizam e isso está moldando nossa sociedade”.

Sempre otimista, trabalhando e "mandando bem", Marcelo Solmucci e Leticia Gontijo Vivian. Foto: Arquivo Pessoal

Curtas & Finas

*Ainda sobre a fábrica de cizânia das redes sociais. O estudo analisou a viralização de postagens conservadoras e progressistas.

No Facebook e Twitter, dois tipos de postagens tendem a "viralizar": as emocionais e as que falam do grupo oposto.

Seres humanos são atraídos por conteúdo do tipo com ou sem ajuda de redes sociais. Desgraça e vida alheia sempre deram audiência. 

E houve um acirramento no mundo todo nos últimos anos e é por isso que os cientistas buscam explicações concretas. Entender é fundamental para reverter o fenômeno.

Um post atacando o grupo oposto têm 67% mais chances de viralizar do que qualquer outro tipo de conteúdo.

Pode parecer bobagem, mas é um mecanismo com potencial de transformar a forma como a sociedade se organiza.

Não é à toa que Big Techs empregam tantos especialistas em comportamento, neurologia e psicologia. 

Recomendamos a íntegra de “Big Techs moldam uma sociedade de extremistas e justiceiros”.

*Querem ajudar o Hospital da Baleia e ainda presentear no Dia dos Pais? Temos uma sugestão bem original.

“Tal Pai, Tal Kit" é um “pacote” de churrasco com carnes nobres, serve cinco pessoas; um passeio por sabores brasileiros e internacionais.

O prazo final para aquisição dos kits é 2 de agosto ou enquanto durarem os kits. Entrega dos kits: dia 6 ou 7 de agosto.

Novidade no mercado financeiro, com Paulo de Vasconcellos Filho, membro do Conselho Estratégico da Forest Au Green.

Os investidores poderão ter valorização e participar na regeneração da Floresta Amazônica.

A SEC, CVM americana, regulamentou a Tupan, um “asset híbrido”.

É ação de um Fundo de Investimentos, o Forest Au Green e também moeda digital, com lastro em metros cúbicos preservados da floresta.

O investidor receberá dividendos, lucros e, com a moeda digital, ganhos significativos, devido ao grande potencial de valorização gerado pelos vários diferenciais oferecidos.

Para usar os recursos no dia a dia, o investidor poderá usar os cartões Mastercard Tupan.

Planejamento estratégico para cinco anos e governança corporativa estratégica.