Desobstrução de vias

Desobstrução de vias
Acidente na madrugada da última terça feira com caminhão carregado de bois provocou um engarrafamento gigante e paralisou uma das maiores rodovias do país, a BR 381/Sul. Teria sido apenas mais um dos muitos neste trecho urbano, não fosse o fato de a carga ser viva e ter se espalhado pelo asfalto, fechando a rodovia por mais de 13 horas.

Festival de amadorismo

Segundo o consultor em assuntos urbanos, José Aparecido Ribeiro, a ação de desobstrução da via revelou, mais uma vez, a falta de articulação entre as  autoridades de trânsito e a concessionária responsável pela gestão da Fernão Dias.  Ribeiro ressaltou à coluna que , lesado o   direito de ir e vir de centenas de milhares de pessoas, responsáveis reeditam festival de amadorismo em acidentes similares. No caso em tela, proporcionaram teste de paciência para os que ficaram presos por mais de meio dia.

Cadê o gabinete? 
Para esse e similares, Ribeiro aponta que o certo seria concessionária, PRF, DNIT, PMMG, Corpo de Bombeiro e todos os órgãos de defesa envolvidos, trabalharem sincronizados, sob o comando de um GABINETE DE CRISES DA RMBH. Enfatiza ainda que acidentes como esses acontecem diariamente e não deveriam ser motivo para tanta improvisação. A desobstrução da via deveria ser feita com segurança para usuários e  acidentados.

Bom exemplo 
"Não é a primeira e não será a ultima vez que um COMITÊ DE CRISES DA RMBH fez falta", denuncia Ribeiro. Lembra ainda  que, em países mais desenvolvidos, há manuais e procedimentos que permitem aos agentes públicos e privados agirem a tempo e a hora, de forma eficiente e competente.

Patinho feio 
Por fim, nosso consultor, que também é membro da CTT/SME, diretor da ACMinas e presidente da ONG SOS Rodovias Federais, profetiza: "Tomara que o exemplo e as 13 horas de fechamento que certamente geraram prejuízos incalculáveis para milhares de pessoas tenha servido para alguma coisa.”

 
Curtas & finas

*José Aparecido Ribeiro complementa: “Dizem que filho feio não tem pai. Quem será, neste caso, o pai do filho feio que expôs a fragilidade do estado e dos agentes de defesa? A quem devemos imputar e cobrar os prejuízos causados por mais esse vexame?

E fica o questionamento: e se no lugar de bois, a carga estivesse repleta de cobras e jacarés?

*Foi um sucesso o camarote Land Spirit organizado pela Skol e pela Sleep Walkers Entretenimento no Festival Planeta Brasil.
Sucesso também foi o evento em si que contou com mais de 30 atrações nacionais e internacionais e colocou o publico para dançar em 12 horas de festa.
*Achamos na internet, de autor desconhecido, uma linda definição de família: "Família é um grupo de pessoas, cheios de defeitos, que Deus reúne para que convivam com as diferenças e desenvolvam a tolerância, a benevolência, a caridade, o perdão, o respeito, a gratidão, a paciência, direito e dever, limites, enfim, que aprendam a AMAR: fazendo ao outro o que quer que o outro lhe faça. Sem exigir deles a perfeição que ainda não temos. Nós não nascemos onde merecemos, mas onde necessitamos evoluir."